Brigada Militar prende um dos assaltantes mais procurados do Estado

Dentre os crimes o qual é acusado está o assalto ao Sicredi, em Vale Verde, em 4 de julho de 2016, quando teria sido o responsável por arrombar os caixas eletrônicos e três dias depois, teria tentado a mesma ação no município de Passa Sete.

jul 1, 2022

Foto: Arquivo Rádio Sobradinho AM

Foi preso pela Brigada Militar um dos assaltantes mais procurados do Estado: “Jamanta”, especialista em roubos a banco com uso de explosivos. Dentre os crimes o qual é acusado está o assalto ao Sicredi, em Vale Verde, em 4 de julho de 2016, quando teria sido o responsável por arrombar os caixas eletrônicos e três dias depois, teria tentado a mesma ação no município de Passa Sete. Além destas, o criminoso coleciona ocorrências por crimes graves, com pelo menos outras cinco explosões a caixas eletrônicos atribuídas a ele no passado, e em sua ficha criminal, tem ainda registro por roubos a estabelecimentos comerciais, inclusive lotéricas. Jamanta tem mandados de prisão preventiva pelas comarcas de Santa Cruz do Sul, Lajeado e Barracão, no interior do Paraná.

Após monitoramento das agências de inteligência da Brigada Militar, o criminoso foi preso na localidade Passo da Mangueira, interior de Passo do Sobrado, onde estava escondido. A ação aconteceu em cumprimento a um mandado de prisão, devido a condenação por roubo a banco no município de Passa Sete. Ele foi localizado em uma residência, no momento em que entrava em um carro. Ao avistar as guarnições, Jamanta saiu do veículo e entrou em uma residência. Ele foi pego tentando pular uma janela que dava acesso a uma área de mata. No momento da abordagem ele estava com um revólver calibre 32, com sete munições. A arma foi apreendida. Após o registro da ocorrência ele foi conduzido ao Presídio Regional de Santa Cruz do Sul.

Em 2017, o criminoso foi considerado um dos homens mais procurados do Estado, acusado de envolvimento em diversos ataques a agências bancárias com uso de explosivos. As ações desenvolvidas são desdobramentos da Operação Angico, que visa a prisão de criminosos envolvidos em crimes contra estabelecimentos bancários. De acordo com o comandante regional da Brigada Militar tenente-coronel Giovani Moresco, todas as abordagens são fruto de uma sequência de ações desenvolvidas ao longo dos últimos meses, que culminaram na prisão de jamanta e na apreensão de um arsenal de armas em Venâncio Aires.