10º Grito de Alerta já tem resultados

Segundo informações obtidas no Ministério da Economia, houve a promessa de retomada das contratações do Pronaf no Plano Safra atual e que o agricultor tenha rebate a partir de 20% no Pronaf Custeio e Investimentos para pessoas físicas que não estão amparadas pelo Proagro ou Seguro Rural.

fev 17, 2022

Foto: Divulgação/Fetag

O 10º Grito de Alerta, que aconteceu nesta quarta-feira (16), em Ijuí, reuniu mais de 6 mil agricultores e agricultoras familiares de todo o Rio Grande do Sul, que vieram até o noroeste em busca de respostas do Governo Estadual e Governo Federal sobre as pautas do setor, especialmente sobre a estiagem que causa inúmeros prejuízos para as famílias. A mobilização foi promovida pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul – Fetag-RS, pela Macro Missões Fronteira Noroeste, Macro Central e Fetar-RS. A mobilização iniciou as 05h30min com a ocupação da agência do Banco do Brasil no município.

Agricultores e Agricultoras mostraram sua indignação com a falta de resposta do governo por meio de faixas e frases, tais como “Mais recursos no Pronaf, mais prazo e menos juros”, “Você se alimentou hoje? Agradeça um agricultor!”, “Agricultor pede respeito, e Resposta do governo é nosso direito!”. Com a chegada das caravanas, a Praça da República foi ocupada pela multidão que após as 9h iniciou a caminhada em direção ao Banco do Brasil e ao INSS, encontrando os demais manifestantes. Durante a manhã diversas autoridades se pronunciaram, dentre elas prefeitos, vereadores, deputados estaduais, deputados federais, entidades representativas do setor e também da indústria e do comércio. O presidente da Fetag-RS, Carlos Joel da Silva, em seu pronunciamento afirmou à multidão “que foi necessário os agricultores e agricultoras saíssem de suas propriedades e de suas casas e ocupar as ruas para que o governo pudesse fazer mais algumas promessas.

Uma comissão da Fetag-RS esteve em Brasília conduzida pelo vice-presidente, Eugênio Zanetti, buscando as negociações da pauta com o Governo Federal. Reuniões com o Ministério da Agricultura, Ministério da Economia, Banco Central, deputados e senadores, marcadas pelo deputado federal Heitor Schuch foram realizadas. No final da manhã boas notícias chegaram à Ijuí. Segundo informações obtidas no Ministério da Economia, houve a promessa de retomada das contratações do Pronaf no Plano Safra atual e que o agricultor tenha rebate a partir de 20% no Pronaf Custeio e Investimentos para pessoas físicas que não estão amparadas pelo Proagro ou Seguro Rural.

O presidente da Fetag-RS, Carlos Joel da Silva, destaca que o governo está prometendo que manterá a garantia de abastecimento de milho balcão nos armazéns credenciados pela Conab e garantirá a cesta básica, transporte de água, custeio para caminhão pipa e recursos para os municípios onde falta água para consumo humano e consumo animal. A Contag foi representada no 10º Grito de Alerta pela secretária de Meio Ambiente Sandra Bonetti.