Vítima de feminicídio em Candelária vai ser sepultada nesta segunda

Daiana da Silva morreu após ser atingidas por golpes de faca desferidos pelo próprio companheiro em sua residência, no Bairro Rincão Comprido, na madrugada deste domingo (1).

maio 2, 2022

O corpo de Daiana da Silva, de 40 anos, foi sepultado nesta segunda-feira (02) em Candelária. Ela morreu após ser atingidas por golpes de faca desferidos pelo próprio companheiro em sua residência, no Bairro Rincão Comprido, na madrugada deste domingo (1). Na sequência, o homem de 44 anos, identificado como Sérgio de Fraga, cometeu suicídio. Segundo a delegada Alessandra Xavier, responsável pela Delegacia de Polícia de Candelária, não havia registros de violência doméstica por parte de Daiana contra o companheiro.

O caso é tratado como feminicídio seguido de suicídio. A investigação deverá ouvir familiares das vítimas para compreender a motivação do crime. O sepultamento de Daiana da Silva ocorreu às 8 horas no Cemitério Municipal do Bairro Marilene, em Candelária. Já o corpo de Sérgio de Fraga foi sepultado na área rural de Vale do Sol.