Vereador de Ibarama diz que concorda com redução salarial, mas defende ampla reforma administrativa

Quanto as diárias, Tainã Forgerini lembrou que, já na campanha assumiu o compromisso de não usar este benefício durante os quatro anos de seu mandato

jun 18, 2021

Vereador Tainã Forgerini – PP

O vereador Tainã Forgerini, do PP de Ibarama, disse nesta sexta-feira (18), que concorda com a redução do salários dos vereadores do município. Proposta com este objetivo foi apresentada esta semana por um grupo de moradores de Ibarama. Em entrevista ao programa Enfoque da Rádio Sobradinho AM, o parlamentar disse que defendeu esta ideia durante a campanha eleitoral, mas que, no seu entender, é necessário também promover uma ampla reforma administrativa no município, incluindo o Executivo, para reduzir o gasto com a máquina pública.

Tainã destacou que a proposta de redução dos subsídios dos vereadores para um salário mínimo na próxima Legislatura, neste momento, na sua opinião, não tem votos suficientes para ser aprovada na Câmara. Embora defenda a redução, o vereador disse que um salário mínimo é pouco para um vereador que, de fato, se dedica ao seu mandato devido as despesas decorrentes da busca de conhecimento e tempo dedicado a função.

Quanto as diárias, Tainã Forgerini lembrou que, já na campanha assumiu o compromisso de não usar este benefício durante os quatro anos de seu mandato. Na entrevista de hoje, o vereador anunciou que está apresentando dois novos projetos de sua autoria. Um deles prevê o agendamento de consultas médicas por telefone para idosos e pessoas com deficiência. O outro prevê a transmissão, ao vivo, das licitações dos poderes Legislativo e Executivo. As duas matérias já foram protocoladas na Secretaria da Câmara e poderão ser apreciadas nas próximas sessões.