Sobradinho atinge o teto de recebimento de emendas na Secretaria da Saúde

O Chefe do Executivo considera que apesar de não conseguir mais recursos de emendas para a atenção básica esse ano, devido ao teto de R$ 1 Milhão e 500 mil reais que foi atingido, a situação é positiva, pois com isso, há sobra de recursos livres para investimento em outras áreas.

maio 24, 2022

A Secretaria de Saúde de Sobradinho atingiu o teto máximo para o recebimento de recursos oriundas de emendas parlamentares neste ano. Segundo informações do prefeito Armando Mayerhofer, a Secretaria da Saúde tem um limite que pode receber para Atenção Básica, calculado pelo número de habitantes, onde os valores são destinados para combustível, pagamento de energia elétrica, ajuda em exames, cirurgias, entre outros procedimentos. Ele revelou que só na saúde atualmente são cerca de 10 carros viajando diariamente.

O Chefe do Executivo considera que apesar de não conseguir mais recursos de emendas para a atenção básica esse ano, devido ao teto de R$ 1 Milhão e 500 mil reais que foi atingido, a situação é positiva, pois com isso, há sobra de recursos livres para investimento em outras áreas. O município é obrigado a investir 15% do orçamento em Saúde, porém, sem as emendas, a estimativa de gastos chegaria a 26%. Armando Mayerhofer reconheceu os esforços dos deputados que destinaram emendas parlamentares para Sobradinho, destacando que é um dos poucos municípios que receberam todo esse aporte. Agora, o Executivo busca junto aos deputados a destinação de emendas para serem investidas em outras áreas.