Secretaria de Saúde confirma caso de dengue em Candelária

Ela teria sido infectada fora do município, durante uma viagem.

fev 9, 2024

Foto: Divulgação GZH

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou na tarde dessa quinta-feira (08) o registro do primeiro caso de dengue em Candelária no ano de 2024. Trata-se de uma mulher, que não teve o nome nem idade, revelados. Ela teria sido infectada fora do município, durante uma viagem. Ao sentir os sintomas características da doença, a paciente procurou o serviço de saúde no dia 29 de janeiro, quando foi constatada a possibilidade de estar infectada.

De acordo com a secretária de Saúde, Grazieli Priebe, a paciente não precisou ser hospitalizada e passa bem. Com a confirmação, a Vigilância Sanitária de Candelária, está desempenhando todas as ações necessárias para tentar conter a proliferação do mosquito Aedes Aegypti no município. Também está sendo feito um trabalho especial nas áreas próximas ao domicílio e local de trabalho da paciente, tudo em busca de evitar que ela entre em contato com o mosquito e acabe dando início a um surto da doença.

Graziel Priebe, destaca que Candelária é um município considerado infestado pelo Aedes Aegypti, no entanto, são insetos que ainda não tiveram contato com o vírus e não são transmissores ativos da doença. Ela aleta, no entanto, que basta que piquem alguém infectado para dar início a uma epidemia de contágios”.

Na próxima semana, a prefeitura de Candelária fará aplicações de larvicidas em pontos estratégicos e bocas de lobo nas áreas urbanas do município. Porém, para continuar contendo a dengue, é preciso que a comunidade também faça sua parte. Na região, já foram registrados casos de dengue em Cachoeira e Santa Cruz do Sul, onde inclusive já houve uma morte em decorrência da doença.