Foto: Fabricio Ceolin

Os vereadores de Sobradinho estiveram reunidos na 4ª Sessão Ordinária nesta segunda-feira (21). Na oportunidade, foram aprovadas cinco moções de reconhecimento de autoria do suplente de vereador Júlio Cesar dos Santos “O Neguinho” (PP), que assumiu cadeira no lugar do vereador Berê Nunes, que está afastado por interesses pessoais.  Foram reconhecidos através de moções o Centro de Recuperação Valente de Davi. os Projeto Sociais União, Boleiros da Medianeira, Pés para o Futuro, além do Arte e Cidadania.

Representantes do centro de recuperação e projetos sociais, além dos vereadores, se manifestaram sobre a importância das ações desenvolvidas pelas entidades.

Os vereadores aprovaram por unanimidade, projeto de lei que autoriza o Executivo Municipal a contratar temporariamente, (três) monitores de educação infantil, para atender duas crianças com avaliação neurológica.

Confira o pronunciamento feito na tribuna pelo suplente de vereador Neguinho:

Já o projeto que previa  estabelecer o novo plano de carreira e remuneração do magistério de Sobradinho, não entrou na pauta. Apesar do Executivo ter protocolado na Câmara  com pedido de urgente urgentíssima, uma mobilização do Sindicato dos Servidores Municipais de Sobradinho em conjunto com uma comissão da classe, enviou para Câmara ofício, pedindo que não fosse colocado na pauta.

Segundo o documento, a maioria do quadro de professores do município julga necessário que sejam feitas adequações em artigos do projeto, para que fique totalmente claro e objetivo, não deixando possibilidades para dupla interpretação. A classe defende ainda que dois projetos sejam enviados para análise da Câmara, sendo um constando a remuneração do magistério e outro o plano de carreira.  Após a sessão dos vereadores, uma reunião foi promovida com os parlamentares e representantes da classe que lotaram as dependências da Câmara de Vereadores de Sobradinho.