Prefeitos da AMCSERRA são contra investir recursos gaúchos em rodovias federais

A verba de até R$ 495.100.00,00, se aprovada, será destinada para as obras da BR-116 e BR-290.

maio 16, 2022

Foto: Arquivo Rádio Sobradinho

Os prefeitos da Associação dos Municípios do Centro Serra – AMCSERRA –, estiveram reunidos na noite da última sexta-feira (13), no centro administrativo de Tunas. Na pauta, diversos assuntos de interesse comum, entre eles, a aprovação de um documento demonstrando contrariedade ao Projeto de Lei 51/2022, de autoria do Executivo Estadual, que tramita na Assembleia Legislativa, e que autoriza o Estado aditar contratos mantidos pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT, com o objetivo de executar obras e serviços de pavimentação nos trechos da malha rodoviária federal no âmbito do território gaúcho.

A verba de até quatrocentos e noventa e cinco milhões e cem mil reais, se aprovada, será destinada para as obras da BR-116 e BR-290. Os prefeitos da AMCSERRA defendem que este recurso seja investido em rodovias estaduais aqui da região e na pavimentação dos acessos aos municípios que ainda não contam com este benefício. No encontro, também foi debatido o projeto avícola que está sendo desenvolvido pelo Consórcio Intermunicipal Vale do Jacuí, e que está em fase de inscrição dos interessados. Os municípios estarão recebendo as inscrições dos produtores interessados entre os dias 17 a 31 de maio.

Em junho, representantes da empresa Carrer Alimentos, estarão fazendo visitas técnicas a fim de conhecer a região e as propriedades rurais dos interessados. Na ocasião haverá uma reunião para ser detalhado o projeto e a viabilidade de todo o sistema. A próxima assembleia ordinária da AMCSERRA será no dia 10 de junho, no município de Cerro Branco.