Prefeito vistoria danos no cemitério municipal de Sobradinho

De acordo com o prefeito serão instaladas no local, 23 novas lâmpadas de led, e também será estudada a possibilidade de instalação de câmeras de segurança com o objetivo de inibir que esses furtos voltem a ocorrer

mar 2, 2022

Foto: Divulgação

Os furtos em cemitérios colocam em alerta as comunidades do Vale do Rio Pardo. No final de semana passado, letreiros, fotos e crucifixos, foram furtados no Cemitério Municipal de Sobradinho, Cemitério de Arroio Bonito e Cemitério de Pitingal. Na manhã desta terça-feira (01), moradores de Rincão Del Rey, interior de Rio Pardo, perceberam a depredação no Cemitério da Comunidade Sagrado Coração de Jesus. Foram furtados letreiros, placas de bronze, imagens de santos e dos mortos de diversas sepulturas.

O caso foi relatado ao presidente da comunidade e será registrado na delegacia de polícia. Uma nova opção de material já está sendo disponibilizada no mercado, a fim de evitar esse tipo de furto. Conforme Carlos Rech, sócio proprietário do Grupo São Pedro de Sobradinho, sua empresa adquiriu uma máquina que molda letreiros em OS, material tipo plástico que é resistente, o que segundo ele, não deverá mais atrair os ladrões. Questionado sobre o provável destino do material furtado, Carlos acredita que o material furtado das lapides provavelmente devem ser vendidos por preço de ferro a quilo. Ele lembrou que no passado, vários túmulos do Cemitério Jardim da Colina que também é de propriedade do Grupo São Pedro, tiveram materiais furtados das lápides.

Após o fato, câmeras de segurança foram instaladas no local o que inibiu a ação dos criminosos. Na manhã desta quarta-feira (02), o prefeito de Sobradinho Armando Mayerhofer; o secretário de Finanças e Planejamento, Nilo Wietzke, acompanhados do zelador do Cemitério Municipal José Faleiro, e a equipe responsável pela elétrica da prefeitura, vistoriaram os estragos causados por vândalos no cemitério municipal. De acordo com o prefeito serão instaladas no local, 23 novas lâmpadas de led, e também será estudada a possibilidade de instalação de câmeras de segurança com o objetivo de inibir que esses furtos voltem a ocorrer.

Conforme Armando Mayerhofer, também já está sendo projetado o cercamento do Cemitério Municipal, o que deverá dificultar o ingresso de criminosos no local. Ele destaca ainda ser necessário que a polícia apure os fatos registrados nos últimos dias nos cemitérios da região, a fim de desvendar os responsáveis pelo mercado de receptação desse tipo de material.