Prefeito de Lagoão reafirma que ninguém recebeu vacina contra Covid-19 com data vencida

Cirano Camargo destacou que não faria sentido o município receber vacinas em janeiro e ter aplicado apenas em abril, data de vencimento das doses

jul 5, 2021

Prefeito Cirano Camargo – Foto: Arquivo –  Jornal Pampeano Lagoão

O prefeito Cirano Camargo reafirmou hoje que nenhuma dose da vacina contra a Covid-19, supostamente vencida, foi aplicada em pacientes do município. Em entrevista ao programa Enfoque da Rádio Sobradinho AM, ele afirmou que esta garantia foi dada pela Coordenadoria Regional de Saúde de Passo Fundo, da qual o município faz parte. Conforme o prefeito, o lote em questão, foi recebido no final do mês de janeiro e imediatamente aplicadas em 20 profissionais da saúde, entre os dias 27 e 29 daquele mês.

Cirano Camargo destacou que não faria sentido o município receber vacinas em janeiro e ter aplicado apenas em abril, data de vencimento das doses. Para ele, tudo indica que houve um erro no sistema de registro das vacinas no Ministério da Saúde. A possibilidade de que vacinas com data de validade vencida tenha sido aplicada em pacientes foi apontada pelo jornal Folha de S. Paulo, baseada em registros do Ministério da Saúde, fato que poderia ter ocorrido em 1.532 municípios brasileiros.

Todos os municípios negam que isso tenha ocorrido, atribuindo a informação a uma divergência nos dados repassados pelas Secretarias Municipais e um atraso de até dois meses nos registros feitos pelo Ministério da Saúde. Cirano Camargo tranquilizou a população, afirmando que o trabalho feito pelos profissionais da saúde de Lagoão, é incansável, e que, atualmente, quase a metade da população já foi vacinada com a segunda dose da vacina contra a Covid-19.