Lagoa Bonita do Sul alerta para prevenção ao mosquito Aedes Aegypti

Autoridades de saúde destacam que cuidados devem ser frequentes e permanentes

set 1, 2021

Foto: Divulgação

A Administração Municipal de Lagoa Bonita do Sul alerta a população para a importância de manter, de forma permanente, a mobilização pelo combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue e outras doenças que podem gerar enfermidades. Segundo o secretário municipal da Saúde, a atenção e o cuidado devem ser constantes, as larvas têm grande resistência e no primeiro sinal de acúmulo de água poderá se transformar em mosquito e se proliferar.

Leonir Francesquet lembra que Lagoa Bonita do Sul registrou casos de larvas do Aedes Aegypti, por isso, é de extrema importância manter as medidas de prevenção para combater o mosquito causador de doenças. Entre as medidas que devem ser observadas estão: manter bem tampado os tonéis, caixas e barris de água; lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água; não deixar água acumulada sobre a laje; encher pratinhos de vasos com areia ou lavá-los uma vez por semana; trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana; depositar o lixo em sacos plásticos em lixeiras fechadas; manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo; acondicionar pneus em locais cobertos; fazer a manutenção frequente de piscinas; limpar sempre a bandeja do ar condicionado e atrás da geladeira; verificar se a caixa de descarga do banheiro está tampada e armazenar pneus em locais corretos onde não armazenam água.

O mosquito Aedes aegypti é o transmissor de dengue, zika-virus, chikungunya e febre amarela (ciclo urbano).