Gado solto causa transtornos em Linha Central

Caso o dono não providencie a remoção, as autoridades competentes poderão fazer a apreensão do gado e determinar seu posterior leilão

dez 16, 2023

Foto: Reprodução

Uma denúncia de animais soltos na entrada da Linha Central, levou a Vigilância Sanitária a tomar providências nesta tarde de sexta-feira, 15 de dezembro. Ao chegar ao local, os fiscais constataram a presença de vários bovinos, um deles machucado. Os animais foram temporariamente abrigados na propriedade da família Dalcin, que se ofereceu para acolhê-los. No entanto, segundo as fiscais sanitárias, o proprietário dos animais deve retirá-los do local o mais breve possível, sob pena de medidas mais drásticas a serem tomadas.

Caso o dono não providencie a remoção, as autoridades competentes poderão fazer a apreensão do gado e determinar seu posterior leilão. Essa iniciativa visa garantir a segurança tanto dos animais quanto da população local, uma vez que a presença de animais soltos pode causar acidentes e disseminar doenças. A Vigilância Sanitária de Sobradinho ressalta a importância de que os animais sejam devidamente cuidados e mantidos em locais adequados, evitando assim transtornos e riscos para todos.

Além disso, solicita a colaboração da comunidade no sentido de informar sobre casos semelhantes, para que providências possam ser tomadas de forma rápida e eficaz. De acordo com os moradores de Linha Central, os cerca de 10 animais também invadiram lavouras e causaram estragos. Eles chegaram também a circular pela RSC-481, gerando riscos aos motoristas.