Gabinete de Crise mantém Alerta para a região 27

Segundo o Gabinete de Crise as medidas adotadas até o momento pela região 27, não tem se mostrado suficientes para reverter os seus indicadores

jun 24, 2021

Após reunião coordenada pelo governador Eduardo Leite nesta quarta-feira (23/6), o Gabinete de Crise decidiu manter os 14 Alertas já emitidos às regiões Covid de Bagé, Cachoeira do Sul, Caxias do Sul, Cruz Alta, Erechim, Ijuí, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santa Rosa, Santo Ângelo e Uruguaiana. Nesta semana, novamente não foram emitidos novos Avisos. A manutenção dos Alertas não significa que a situação da Covid-19 está confortável nessas regiões. Pelo contrário, demonstra a necessidade de manter a cautela, reforçando a manutenção de protocolos de distanciamento e de higiene sanitária.

Segundo o Gabinete de Crise as medidas adotadas até o momento pela região 27, não tem se mostrado suficientes para reverter os seus indicadores. Além disso, a região não tem apresentado indicadores para acompanhar as medidas implementadas ou ainda uma avaliação das medidas em curso. Frente ao cenário enfrentado pela região, um Plano de Ação plausível para o momento deveria, ao menos, incluir a ampliação de restrições para obter redução de circulação compatíveis com o alto índice de propagação da doença observado, com especial atenção naquelas atividades apontados pela ciência e citados nos protocolos ajustáveis do Governo do Estado como fontes principais de contágio da doença, como por exemplo: restaurantes, lancherias, academias, entre outros.

Quando os planos de Ação das regiões não estão condizentes com a situação da pandemia ou quando as regiões apresentam piora, o governo do Estado tem convocado prefeitos, associações regionais e membros dos comitês regionais para reuniões específicas. A mais recente já realizada foi com a região Covid de Caxias do Sul. Também já houve encontros, nas últimas três semanas, com as regiões de Santa Rosa, Ijuí, Passo Fundo, Cachoeira do Sul, Erechim, Cruz Alta e Palmeira das Missões.

Todos foram conduzidos pela secretária Arita Bergmann (Saúde), com participação do secretário Luiz Carlos Busato (Articulação e Apoio aos Municípios) e do procurador-geral de Justiça, Marcelo Dornelles. Com a decisão de manter o Alerta para a Região 27, as atuais medidas restritivas seguem em vigor. Fazem parte da região 27 os municípios de Cachoeira do Sul, Arroio do Tigre, Caçapava do Sul, Cerro Branco, Encruzilhada do Sul, Estrela Velha, Ibarama, Lagoa Bonita do Sul, Novo Cabrais, Passa Sete, Segredo e Sobradinho.