Futuro da entidade Fejão segue indefinido

O objetivo é promover o Festival da Feijoada no ano que vem e a 18ª Festa Estadual do Feijão em 2023

out 26, 2021

Foto: Fabrício Ceolin/Rádio Sobradinho AM

Os rumos do Festival da Feijoada e da Festa Estadual do Feijão foram debatidos na manhã desta terça-feira (26), durante reunião na prefeitura, promovida pelo Poder Executivo de Sobradinho. Na ocasião, o prefeito Armando Mayerhofer falou sobre a importância da estruturação da entidade Fejão, que atualmente se encontra sem diretoria. Segundo ele, é com o apoio da entidade que será possível um aporte de recursos para o evento, pois já há valores previstos no orçamento do município. Mayerhofer também defendeu a prorrogação do reinado da corte de soberanas, uma vez que elas não puderam participar da Festa Estadual do Feijão.

O prefeito também avalia ser importante a desvinculação de integrantes da prefeitura da diretoria da entidade Fejão. O secretário da Indústria, Comércio e Serviços, Darlan Kittel, que também é ex-presidente e membro nato da Fejão, revelou que a entidade está ativa e sem dívidas. Kittel lamentou não ter havido a presença de alguns membros-natos no encontro. O presidente do Sindicato Rural, João Carlos Guariente, destacou ser preciso também um maior incentivo aos produtores rurais para o plantio do Feijão, incluindo estudos para apurar qual a melhor variedade que se adapta na região.

Em contraponto, o secretário da Agricultura, Adriano Dreher, disse que esse estudo já existe, inclusive, com nove cultivares em experimento em Linha Quinca. Ele lembrou que o problema do feijão é o preço pago ao produtor, comparado com outras culturas. Para Adriano Dreher, a última diretoria da Fejão estava desmotivada e o grupo criado para dar rumos a entidade nunca se reuniu. O ex-prefeito e membro-nato, vereador Miguel Vieira, declarou que a entidade tem uma importância muito grande para o desenvolvimento da região, e por isso deve ser reativada.

O chefe da Emater, Rotiére Guariente, salientou ser necessário eleger uma diretoria para promover o Festival da Feijoada e a Festa Estadual do Feijão e, para isso, segundo ele, é preciso que haja a mobilização dos membros-natos. Já o presidente do Sindilojas, Vianei Pasa, ficou responsável por reunir os membros da comissão que foi escolhida na época em que a última diretoria da entidade Fejão renunciou, e o secretário de Indústria Comércio e Serviços, Darlan Kittel, pretende, ainda essa semana, promover uma nova reunião, a fim de definir os rumos da entidade. O objetivo é promover o Festival da Feijoada no ano que vem e a 18ª Festa Estadual do Feijão em 2023.