Corede Vale do Rio Pardo promove assembleia inicial regional

O calendário foi definido pelo Governo do Estado, que vai acompanhar a assembleia, que ocorre em modelo híbrido – presencial e remoto

set 2, 2021

Foto: Jacson Miguel Stulp/Case MKT

O Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio Pardo (Corede/VRP) vai dar início aos debates preparatórios da Consulta Popular 2021/2022 nesta sexta-feira, 3, às 16h, na sala 101 da UNISC. A assembleia é pública e toda a comunidade regional está convidada a participar, no entanto, a capacidade máxima de pessoas permitida pelo COE-E Local (Centro de Operações de Emergência em Saúde Para Educação) é de 37 pessoas na sala 101 da UNISC, por isso, será feito no modelo híbrido.

O calendário foi definido pelo Governo do Estado, que vai acompanhar a assembleia, que ocorre em modelo híbrido – presencial e remoto. A votação ocorre entre os dias 22 a 30 de novembro. Segundo o presidente do Corede/VRP, Heitor Álvaro Petry, o valor para a região do Vale do Rio Pardo será de R$ 1.114.285,71, um acréscimo em relação ao ano passado, quando foram pouco mais de R$ 700 mil. Ele destaca que na assembleia inicial servirá para definições iniciais em relação ao processo deste ano que tem como novidade a escolha de um projeto pela comunidade em geral. Petry observa que na assembleia desta sexta-feira também serão definidas as duas datas das assembleias microrregionais – no Baixo Vale e no Centro Serra -, para o ajuste de prioridades.

Segundo o presidente, a região já definiu que vai incluir cinco projetos na cédula de votação, sendo que os três mais votados serão contemplados com recursos. A assembleia contará com a participação da equipe do Departamento de Articulação Regional e Participação – DARP, que divulgará o aplicativo e apresentará o passo a passo da Consulta Popular; além disso nessa etapa deverá ser constituída a Comissão Regional da Consulta Popular; a definição por assembleias municipais/regionais ou microrregionais; o limite de categorias que constarão na cédula de votação; além de assuntos gerais. O Governo do Estado lançou na segunda-feira, dia 30, a Consulta Popular 2021.

Neste ano, serão destinados R$ 30 milhões para investimento em projetos de desenvolvimento regional. O valor é 50% maior do que os R$ 20 milhões destinados ao programa em 2020. Para quem for acompanhar de forma remota, o link é: meet.google.com/qbs-zrwv-ahb