Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Geral 18/05/2020 13:33
Por: Fabricio Ceolin

População de Sobradinho tem sido exemplo na região pelo uso de máscaras nas ruas

Nas ruas desde crianças até idosos são vistos circulando utilizando o acessório de proteção ao coronavírus.

A população de Sobradinho vem aderindo ao uso de máscaras. Nas ruas desde crianças até idosos são vistos circulando utilizando o acessório de proteção ao coronavírus. São raras as exceções de pessoas circulando sem máscara. No comércio, estão sendo disponibilizadas recipientes para higienização dos pés e álcool para quem ingressa nos estabelecimentos. O número de clientes nos supermercados está sendo controlado por fichas.  Apesar disso, ainda há relatos de aglomerações e descumprimento de regras em alguns bares.

O parque da FEJÃO também tem sido um ponto de aglomeração no final de semana. Conforme relato de um ouvinte, na tarde de domingo (17), havia um grande número de pessoas sem máscara, bebendo e ouvindo música. “Parecia um dia de festa”. “Eles não podem ficar no centro e vão pra lá. Quando surgir um caso de coronavírus, será devastador, pois essas pessoas deveriam estar em casa”, opina o ouvinte.

Em Arroio do Tigre, neste fim de semana, muitas pessoas foram vistas sem o uso da máscara. Na manhã de ontem, um levantamento feito pela reportagem das Rádios Sobradinho e Jacuí entre o Centro e o Bairro Industrial, entre 20 pessoas apenas uma usava a proteção. Também havia aglomerações em alguns bares o que também é visto em alguns bairros de Sobradinho. Arroio do Tigre também instalou barreiras sanitárias como medida de prevenção para combater a disseminação do novo Coronavírus.  Está sendo feita a verificação da temperatura corporal, entrega de máscara para aqueles que não estão usando e a entrega de um boletim com informações sobre procedimentos durante o período de permanência no município.

Na primeira semana de atividade, passaram pelo local pessoas de inúmeras localidades e até mesmo de fora do Estado, como São Paulo, Santa Catarina e Minas Gerais. A informação é do Fiscal Sanitário da Prefeitura de Arroio do Tigre, Rodrigo Koslowski. “É bem preocupante. Mas estamos prezando pela população local e orientando para tomar cuidado. Se não tivermos essa atitude a doença vai se disseminar cada vez mais”, alertou ele.