Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 17/03/2020 14:48
Por: Redação

Prefeito de Herveiras foi cassado

O prefeito de Herveiras havia sido afastado em 2018, mas o juiz da 2ª Vara Cível de Santa Cruz, André Luiz Pinto, julgou improcedente a ação, argumentando que não havia “ilegalidade material gritante”.

O prefeito Paulo Grassel (MDB) – que havia sido absolvido – teve a decisão revertida pelo Tribunal de Justiça. Segundo o Ministério Público, Grassel cometeu improbidade administrativa, ao remover três professores em represália por terem feito campanha para seu adversário nas eleições de 2016. O prefeito de Herveiras havia sido afastado em 2018, mas o juiz da 2ª Vara Cível de Santa Cruz, André Luiz Pinto, julgou improcedente a ação, argumentando que não havia “ilegalidade material gritante”.

O Ex-Secretário de Educação, José Grassel, irmão do prefeito, também é alvo da ação. Entretanto, o recurso do Ministério Público foi acolhido, e a relatora do caso, Desembargadora Lucia Cerveira afirmou que o prefeito e o ex-secretário não conseguiram justificar as transferências das professoras e que a medida tinha “caráter revanchista”. O prefeito de Herveiras foi assim condenado à perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos e ressarcimento dos danos ao erário e pagamento de multa. No entanto, ele deve permanecer no cargo, até o trânsito em julgado da ação, quando se esgotam as possibilidades de recursos. A matéria é do Jornal Gazeta do Sul.