Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 06/06/2020 16:24
Por: Redação

Encerrado prazo para afastamento de secretários que desejam concorrer nas eleições de outubro

Para quem ocupava cargo de secretário municipal e pretende concorrer a vereador, teve que efetuar a desincompatibilização ainda em abril, seis meses antes do pleito

Vários secretários municipais do Centro Serra pediram afastamento de suas atividades nas prefeituras para possivelmente concorrer a cargos políticos nas próximas eleições previstas para outubro. Em Sobradinho se afastou da Secretaria de Finanças Felipe Secretti e assumiu Amarildo Fardin. O vice-prefeito Armando Mayerhofer – apontado como principal nome da sigla para encabeçar a chapa da situação - era o titular da pasta das finanças até o início deste ano, quando ele assumiu a chefia do Executivo, nas férias do prefeito Maninho Trevisan Secretti havia assumido no lugar dele.  Antes ainda, Ivan Trevisan havia saído da Secretaria de Educação onde assumiu Cleura Minetto.

Em Passa Sete, Idolésia Lopes, a Néca, que também é vice-prefeita, deixou a Secretaria de Assistência Social, assumindo Daiane Rech, que acumula o cargo de secretária de Educação.

Em Segredo, Luiz Carlos Marion saiu da Secretaria da Agricultura e o prefeito Valdir Rodrigues responde pela pasta.

Em Arroio do Tigre Sandro Timm se afastou da Assistência Social assumindo Danieska Ritzel.

Em Ibarama Norlei Mariani Júnior secretário da Agricultura, deixou o cargo onde assumiu Jair Carlos Bolfe e Jair Matanna saiu das Obras onde passou a responder Gustavo Kluge.

Lagoa Bonita chama a atenção, uma vez que todos os secretários municipais pediram exoneração para concorrer nas próximas eleições. Deixaram os cargos Tuia Possebon que respondia pelas Obras, Pedrinho Tavares da Agricultura, Carlos Alexandre Lira - Educação, Paulo Cerentini, que estava na Secretaria de Administração, Leonir Francischett que ocupava a Secretaria da Saúde e o vice-prefeito Luizinho Fagundes que respondia pela Secretaria de Assistência Social. Assumiu todas as pastas o Prefeito Gilnei Luchese.

Para quem ocupava cargo de secretário municipal e pretende concorrer a vereador, teve que efetuar a desincompatibilização ainda em abril, seis meses antes do pleito. Se pretende concorrer a prefeito o prazo é de quatro meses. Portanto, encerrou no dia 4 de junho.