Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Polícia 19/08/2020 14:45
Por: Fabricio Ceolin

Delegada fala sobre prisões de acusadas de homicídio em Arroio do Tigre

Após procedimentos legais, mãe e filha foram recolhidas para o Presídio de Sobradinho. Elas deverão responder por homicídio triplamente qualificado: por motivo fútil, uso de meio cruel, e por impossibilitar a defesa da vída.

  • Delegada Graciela
  • Fernanda Winkelmann

Policiais Civis da Delegacia de Arroio do Tigre prenderam em flagrante na tarde de terça-feira (18), duas mulheres, respectivamente mãe e filha, com 41 e 19 anos de idade, acusadas de homicídio triplamente qualificado. Elas são autoras da morte de Fernanda Winkelmann, 38 anos, ocorrida segunda-feira (17), em Linha São Pedro, interior de Arroio do Tigre. Conforme a delegada, Graciela Foresti Chagas, que coordenou as investigações, durante cumprimento de mandado judicial na residência de ambas, foram encontrados vestígios do crime, bem como, a faca utilizada entre outros objetos. Mãe e filha confessaram que executaram a vítima com pauladas e facadas.

Em entrevista nesta quarta-feira (19), ao programa Enfoque da Rádio Sobradinho AM, a Delegada esclareceu, ainda, que a vítima já havia registrado ocorrência policial contra uma das suspeitas, em fevereiro deste ano, por lesões corporais, informando que ela seria amante de seu marido. A delegada confirmou que a mulher de 41 anos, e o marido da vítima mantinham um relacionamento. Conforme ela, o homem chegou a sair de casa, mas atualmente estava residindo novamente com a esposa.

Questionada se existe a possibilidade de envolvimento dele, no assassinato, a delegada disse que isso ainda está sendo investigado. No momento do crime, ele afirma que estava na lavoura com dois filhos, de 2 e 10 anos. A terceira filha, de 20 anos, é casada e mora em outro local. Graciela Foresti Chagas destacou que surpreendeu a naturalidade e frieza da narrativa feita pelas duas mulheres presas. Elas alegaram que ficaram descontentes com um comentário que a vítima teria feito recentemente na comunidade à respeito delas.

A delegada esclareceu ainda que a prisão em flagrante foi possível porque as investigações policiais não cessaram desde o momento da prática do crime. Após procedimentos legais, mãe e filha foram recolhidas para o Presídio Estadual de Sobradinho. Elas deverão responder por homicídio triplamente qualificado: por motivo fútil, uso de meio cruel, e por impossibilitar a defesa da vítima.

  • Ouvir áudio disponível: