Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Rural 13/02/2021 12:00
Por: Redação

Afubra inicia o pagamento de indenizações de granizo no dia 23 de fevereiro

O montante da primeira parcela é de R$ 42 milhões e 500 mil reais, ou seja, mais de 40% do valor estimado de pagamento até o momento

A Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) dará início no próximo dia 23 de fevereiro, ao pagamento das indenizações das lavouras de tabaco, safra 2020/2021, atingidas pelo granizo. Conforme o tesoureiro da entidade, Marcílio Drescher, a primeira liberação dos valores indenizatórios do Seguro Mútuo contempla os associados que liquidaram suas ordens de pagamento (OP) até o dia 09 de fevereiro.

O montante da primeira parcela é de R$ 42 milhões e 500 mil reais, ou seja, mais de 40% do valor estimado de pagamento até o momento. Segundo ele, “o dinheiro é repassado de forma integral e obedece rigorosamente a forma optada pelo produtor no momento da inscrição da lavoura”.  Drescher ressalta que, passada a data da primeira liberação, os demais pagamentos passam a ser semanais.

O encerramento acontece quando o processo atinge todos os fumicultores com direito à indenização. Até o momento, a Afubra já contabiliza R$ 115 milhões 922 mil e 51 reais em indenizações a pagar aos associados. Segundo o tesoureiro da Afubra, esse valor é referente apenas aos auxílios para as lavouras atingidas pelo granizo, pois os valores referentes à queima de estufas e auxílio funeral sempre são quitados na sequência à solicitação, no caso do auxílio funeral, e da avaliação, no caso da queima da estufa.

Ele ainda destaca que a safra passada encerrou com R$ 80 milhões 779 mil 213 reais, no total de auxílio pago por incidência de granizo em lavouras de tabaco. Por isso, segundo Marcílio Drescher, a Afubra mantém o fundo de reserva a fim de garantir que todos os associados recebam a sua indenização.