Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 24/03/2021 12:12
Por: Redação

Projeto de crédito para construção de calçadas com acessibilidade e instalação de luminárias é rejeitado na Câmara

Por 6 votos a 2, a Câmara negou a abertura do crédito especial de mais de 1 milhão de reais no orçamento de 2021 para esta finalidade

A Câmara de Vereadores de Sobradinho rejeitou o projeto do Executivo que autorizaria o município a contrair um financiamento de 1 milhão e 239 mil reais para a construção de passeio público em 12 ruas da cidade. Por 6 votos a 2, a Câmara negou a abertura do crédito especial no orçamento de 2021 para esta finalidade.

Em entrevista ao programa Enfoque da Rádio Sobradinho AM, nesta quarta-feira(24), o prefeito Armando Mayerhofer avaliou a decisão. Ele evitou fazer críticas aos vereadores e apenas disse que é um direito deles aprovar ou rejeitar matérias do Executivo. Um dos vereadores que votaram contra o projeto, segundo o prefeito, foi Helton Vendrusculo, do MDB, partido do prefeito. O prefeito disse que o fato de o vereador ser governista não significa apoiar todos os projetos do Executivo. Mayerhofer explicou que o projeto foi elaborado ainda na administração passada e duas licitações foram lançadas para executar as obras ainda no orçamento anterior. Ambas não tiveram interessados. Por isso, foi necessário pedir autorização novamente da Câmara para a abertura do crédito especial no atual orçamento.

Agora Mayerhofer pretende procurar a Caixa e tentar destinar os recursos já assegurados para outras obras. Entre as ruas que teriam a construção da calçada estão a Capitão Veríssimo, entre a escola Lindolfo Silva e o novo fórum e o Acesso Euclides Bento Pereira, entre a antiga ponte do Gaúcho e a Afubra, trecho de grande movimento que não possui passeio público. O financiamento teria prazo de 20 anos para pagamento, com juros totais em torno de 9% por cento ao ano.