Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Geral 25/01/2021 15:38
Por: Redação

Com regras, decreto libera jogos de bochas e utilização de piscinas em balneários de Sobradinho

Caso houver aumento do número de casos de COVID-19, as disposições constantes no presente Decreto poderão ser tornadas sem efeito.

Um novo decreto da Prefeitura de Sobradinho, liberou canchas de bochas e o uso de piscinas em balneários, com algumas restrições. O decreto publicado no último dia 23,  considera regras desde que vigentes na região que compreende o município de Sobradinho os protocolos aplicáveis à Bandeira Laranja ou Amarela, ainda que adotados através de regime de Cogestão Regional, ficando assim autorizado o funcionamento de quadras esportivas para a prática de esportes coletivos, bem como das canchas de bocha e os Parques de Lazer, piscinas em local aberto, com exigência do Selo Turismo Responsável do MTur. O local deverá ter controle de acesso, mediante observância das normas estipuladas pelo Sistema de Distanciamento Controlado do Estado do Rio Grande do Sul e, ainda, com as seguintes disposições :

 Fica autorizado 08 participantes na prática de jogos de bocha.

O decreto também permite o funcionamento dos Parques de Diversão Aquáticos, piscinas e Locais de Recreação ao ar livres, desde que, a lotação não excedente a 50% da capacidade máxima de trabalhadores e de 25% da capacidade máxima de público; espaçamento de dois metros entre as cadeiras/espreguiçadeiras; e, uso obrigatório de máscara para circular nas áreas de piscina, dispensada quando dentro da piscina ou quando sentado na cadeira espreguiçadeira.

O decreto é assinado pelo Prefeito de Sobradinho Armando Mayerhofer. Já na justificativa,  a publicação considera que com relação à utilização dos locais de Arte, Cultura, Esporte e Lazer, houve alteração nos protocolos do Estado do Rio Grande do Sul, que autorizou a abertura dos Parques Temáticos, Parques de Diversão, Parques de Aventura, Parques Aquáticos, Turismo e Similares - fixos ou itinerantes, com a restrição de 50% dos trabalhadores e 25% de público;

Também considera o funcionamento dos locais com quadras esportivas para a prática de esportes coletivos, mediante observância das normas estipuladas pelo Sistema de Distanciamento Controlado do Estado do Rio Grande do Sul, e sendo as canchas de bochas modalidade de prática esportiva usual na Região Centro Serra. Justifica ainda a diminuição do número de casos de COVID-19, e a alteração para a bandeira laranja na região Centro Serra no modelo de distanciamento controlado.

Caso houver aumento do número de casos de COVID-19, as disposições constantes no presente Decreto poderão ser tornadas sem efeito ou até mesmo enrijecidas as medidas até então existentes, não havendo, portanto, perigo de irreversibilidade das medidas adotadas.