Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Rural 04/11/2020 15:26
Por: Redação

Plantio da soja no Centro Serra volta a ficar em compasso de espera

A comercialização da soja vive um excelente momento, pois a saca está sendo comercializada a R$ 159 reais.

  • Plantio da soja. Foto: Divulgação
  •  Lavoura de Trigo. Foto: Daniel Gervasoni

O plantio da soja, no Centro Serra, que foi iniciado logo após a primeira chuva de mais volume em 27 de outubro volta a ficar em compasso de espera. “Muitos produtores da região aguardam por mais umidade”.. observa Décio Teixeira, presidente da Aprosoja do Rio Grande do Sul. Levantamento da EMATER apontava na semana passada, o atraso na largada da safra.

Dos mais de 6 milhões de hectares estimados para a próxima safra no RGS, apenas 7% tinham sido cultivados, percentual menor do que a média de plantio, 12%, observada nos últimos 5 anos. No Centro Serra alguns produtores já estão plantando inclusive a noite para aproveitar a umidade no solo. Por outro lado, o clima seco favorece a colheita do trigo, que houve significativo aumento de área plantada na região em comparação ao ano passado.

Esse aumento se deve ao bom preço comercializado pela saca, que hoje ultrapassa R$ 80 reais. A comercialização da soja vive um excelente momento, pois a saca está sendo comercializada a R$ 159 reais. Apesar da estiagem, o produtor deve ficar atento ao melhor momento para o plantio, com a escolha da cultivar mais adaptada para escalonar a sua lavoura.