Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Geral 11/01/2020 11:32
Por: Redação

Santa Cruz do Sul libera alvará para construção do Case

A ideia é aproveitar ao máximo o período de tempo firme para cumprir com a meta de entregar a estrutura em oito meses.

A Prefeitura de Santa Cruz do Sul liberou esta semana o alvará para a construção do futuro Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), unidade voltada ao atendimento de menores infratores. A medida era o último passo que faltava para o começo das obras pelo governo do Estado. A ideia é aproveitar ao máximo o período de tempo firme para cumprir com a meta de entregar a estrutura em oito meses.

O complexo com capacidade para atender até 60 menores dos vales do Rio Pardo e Taquari ficará em um terreno de 40 mil metros quadrados doado pela Prefeitura no Corredor Zanette, no bairro Esmeralda. O Estado pretende iniciar a obra ainda no mês de janeiro e tem pressa por conta de uma decisão judicial do fim dos anos 90, que o obriga a regionalizar esse atendimento para que os jovens fiquem próximos de seus familiares. A assinatura do contrato com a empresa executora dos serviços ocorreu em 17 de outubro do ano passado.

A necessidade de uma estrutura regionalizada de atendimento a menores infratores é discutida há vários anos, pois hoje os jovens que cometem delitos são atendidos na rede de abrigos municipais, cuja estrutura é limitada, ou são encaminhados para Porto Alegre. O principal objetivo da unidade é a ressocialização, além de fazer com que os menores infratores mantenham o vínculo com as famílias e os amigos.

O governo do Estado vai investir R$ 21,3 milhões na construção da unidade do Case em Santa Cruz do Sul. Os recursos são financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento. A área física, composta por sete prédios, terá 4 mil e 500 metros quadrados. Além de Santa Cruz do Sul, os municípios de Osório e Viamão vão receber unidades da Case, este ano.