Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Esporte 14/06/2018 14:08
Por: redacao

Copa do Mundo 2018 foi aberta oficialmente na Rússia

A cerimônia de abertura pode ser resumida em duas palavras: simplicidade e objetividade. Foram 15 minutos de um espetáculo que não apostou em grandes encenações teatrais e que valorizou as atrações musicais.

  • Fotos: reprodução/internet-AFP

A espera de quatro anos finalmente acabou. A Copa do Mundo da Rússia 2018 foi aberta oficialmente no final da manhã desta quinta-feira (14) numa solenidade mais curta na comparação com a abertura de outros mundiais. A cerimônia de abertura pode ser resumida em duas palavras: simplicidade e objetividade. Foram 15 minutos de um espetáculo que não apostou em grandes encenações teatrais e que valorizou as atrações musicais.

O cantor inglês Robbie Williams abriu o show em um palco no centro do gramado do Estádio Luzhniki. Ele dividiu o protagonismo com a soprano russa Aida Garifullina. Juntos, os dois cantaram "Angels", sucesso de Williams. Como esperado, o brasileiro Ronaldo Nazário marcou presença na abertura. Acompanhado de um menino russo, ele entrou no gramado e bateu bola com o mascote do Mundial, o lobinho Zabivaka. Outro campeão mundial que participou da celebração foi o ex-goleiro espanhol Iker Casillas que, ao lado da modelo russa Natalia Vodianova, apresentou a taça do mundo ao estádio antes da abertura.

PÁSSARO GIGANTE E BANDEIRAS

A parte artística do espetáculo, produzida pelo canal de televisão russo Channel One e dirigida por Felix Mikhailov, utilizou bolas gigantes de futebol como objetos cênicos, fogos e placas coloridas. O destaque da apresentação foi a formação de um pássaro gigante amarelo e vermelho, sobre o qual a soprano Aida Garifullina entrou para sua primeira aparição. Representantes homenagearam as 32 seleções que disputam a competição portando bandeiras dos países. No fim do espetáculo, a Rússia desejou, em inglês, boas-vindas à Copa ao estampar a palavra "Welcome" no gramado do Luzhniki.

No jogo de abertura do mundial a Seleção da Rússia goleou a Arábia Saudita por 5 a 0. O primeiro Mundial em solo russo promete ser também um dos mais equilibrados. Alemanha, Espanha, França, Argentina e, é claro, Brasil. Todos entram na competição com condições de sonhar com um lugar no estádio Luzhniki, na capital russa, no dia 15 de julho, onde será disputada a grande final. Além destes, Uruguai, Portugal, Colômbia, Bélgica e Inglaterra são outras seleções que podem surpreender no meio do caminho.

Estreantes, desta vez serão apenas dois: o Panamá (que deixou para trás os Estados Unidos) e a Islândia, apresentando seus jogadores imitando guerreiros vikings. Por outro lado, países com bem mais tradição no Mundial desta vez ficaram de fora. O caso mais notório é o da Itália, que desde 1962, no Chile, tinha sempre o seu passaporte carimbado para a Copa.

Para a Seleção Brasileira, a busca pelo hexa passa necessariamente pela recuperação de um trauma sem precedentes: os impensáveis 7 a 1 sofridos para a Alemanha em 2014, jogando em casa. A boa notícia para o torcedor brasileiro é que a equipe treinada por Tite parece ter deixado o trauma para trás, tanto é que entra na competição como uma das mais cotadas ao título, de acordo com vários especialistas. O final de tudo será conhecido apenas em 15 de julho.

EXPEDIENTE NO CENTRO SERRA

Em decorrência dos jogos do Brasil, as prefeituras do Centro Serra vão adotar horários especiais nos dias em que a seleção brasileira estiver em campo. Quando a partida for de manhã, o atendimento ao público será das 13 às 17 horas. Em caso de jogo a tarde, o expediente será das 8 às 13 horas. Não haverá alterações, no entanto, nos setores da Saúde e Educação e nos serviços considerados essenciais.

Os bancos também vão alterar o atendimento ao público nos dias de jogos da seleção Brasileira. Quando o jogo for às 9 horas, os bancos só abrem a tarde das 13 às 17 horas. Nos jogos das 11 horas, a abertura para o público será das 8 e meia às 10 e meia, e das 14 às 16 horas, e nos jogos marcadas para às 15 horas, os bancos vão abrir das 9 às 13 horas.

Nas escolas da rede estadual as aulas serão suspensas nos turnos de jogos do Brasil. Já o comércio de Sobradinho, em princípio, não vai alterar os horários de atendimento ao público.