Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 12/03/2020 14:06
Por: Redação

Entrevistas de Miguel Vieira e Jorge Pohlmann geraram repercussão na administração municipal

Ninguém quis responder as críticas nesta quinta-feira (12), mas o grupo está estudando medidas e promete uma manifestação possivelmente para esta sexta-feira (13).

As entrevistas do ex-prefeito Miguel Vieira e do pré-candidato do Progressistas, Jorge Pohlmann, geraram grande repercussão na administração municipal de Sobradinho. Nesta quarta-feira (11), Miguel fez uma série de críticas ao prefeito Maninho Trevisan, que segundo ele, não teria cumprido várias promessas de campanha. Ele citou o compromisso assumido na campanha de construir 500 moradias populares e a legalização de pedreiras. O ex-prefeito lembrou que quanto ao projeto de casas populares, além de não ter sido concretizado, a população que se inscreveu teve despesas com a cooperativa que chegou a iniciar o projeto.

Sobre a promessa de regularização de pedreiras, Miguel disse que além de não ter tomado a iniciativa, a prefeitura passou a utilizar pedras de concreto no lugar do basalto o que teria beneficiado a empresa do prefeito Maninho Trevisan.

Jorge Pohlmann afirmou que pretende abrir o que chamou de caixa preta de diversos segmentos da administração municipal. Também disse que já conversou com representantes do PTB, partido que integra o governo municipal. As declarações geraram mal estar no PTB, além de conversações ao longo do dia, bem como, reunião dos Partidos que formam a Coligação que administra o município, na noite desta quarta-feira (11). Ninguém quis responder as críticas nesta quinta-feira (12), mas o grupo está estudando medidas e promete uma manifestação possivelmente para esta sexta-feira (13).