Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Bombeiros 14/03/2020 11:39
Por: Redação

Cresce o número de incêndios florestais no Centro Serra

Em Serraria Scheidt, um incêndio está consumindo parte da mata nativa próximo à divisa de Cerro Branco e Lagoa Bonita do Sul.

  • Incêndio em Serraria Scheidt. Foto: reprodução/WhatsApp
  • Incêndio em Passa Sete. Foto - Bombeiros Voluntários

O número de incêndios florestais aumentou muito nos últimos dias. Os Bombeiros Voluntários de Sobradinho atenderam pelo menos 5 chamados  essa semana. Apesar de toda a situação de alerta devido à estiagem, algumas pessoas não respeitam os alertas sobre os perigos de colocar fogo em lixo, entulhos e até mesmo em restos de galhos e acabam causando incêndios. Em Serraria Scheidt, um incêndio está consumindo parte da mata nativa próximo à divisa de Cerro Branco e Lagoa Bonita do Sul.

O fogo teria começado na última quinta-feira (12), numa área de difícil acesso. Nas redes sociais, moradores da localidade dizem que já acionaram os bombeiros voluntários de Sobradinho, Candelária e Agudo, porém nenhuma das corporações possui convênio de atendimento com o município de Cerro Branco.  Os Bombeiros Militares de Cachoeira do Sul também foram acionados, porém segundo informações de moradores, teriam afirmado que não há possibilidade de controlar as chamas, pois o caminhão de combate a incêndios não tem acesso à área. 

Já em Carijo do Buraco no interior de Passa Sete, outro incêndio atinge um morro há mais de uma semana. As chamas são baixas e vai queimando aos poucos a vegetação. Não há possibilidade de extinção das chamas devido ao aclive do morro. Os Bombeiros Voluntários de Sobradinho fizeram todos os contatos possíveis com os órgãos competentes, e tentou acionar o batalhão aéreo da Brigada Militar. A situação foi repassada ao Corpo de Bombeiros Militares de Santa Cruz, que orientou aguardar que o fogo chegue até uma área onde seja possível o combate. 

O fogo teria tido origem, quando um morador colocou fogo em uma abelheira e teria perdido o controle das chamas. Os Bombeiros alertam a população sobre os riscos dos incêndios florestais e suas consequências. A causa mais frequente dos focos é a ação humana. Apesar de costumeira, a ação é ilegal. Segundo a Legislação, provocar incêndio em mata ou floresta pode dar prisão de dois a quatro anos, além de multa.