Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 05/01/2019 11:41
Por: redacao

Executivo e Legislativo de Sobradinho gastam mais de 400 mil reais em diárias em 2018

Dados foram apurados através do Portal Transparência

  • Prefeitura de Sobradinho. Foto: arquivo
  • Câmara de Vereadores. Foto: arquivo

O Poder Executivo Municipal de Sobradinho gastou 341 mil e 880 reais em diárias no ano de 2018. Do montante, só em diárias para motoristas foram 185 mil 116 reais. O prefeito Maninho Trevisan gastou 43 mil 702 reais. O vice-prefeito Armando Mayerhofer 15 mil 889. Os secretários municipais, ao todo, retiraram 21 mil 839 reais em diárias. O ex-secretário de Administração Felipe Secretti retirou 3 mil 141 reais. O atual titular da pasta, Diego Batista – 1.209 reais.  Ivan Trevisan, da Educação, 7 mil 145 reais. Nilo Wietzke – da Saúde: 7 mil e 30 reais.

Na agricultura: Jair Cremonese retirou 1.907 reais em diárias. A titular da Assistência Social, Saionara Soder, retirou 1.203 reais. Olandir Bernardi, secretário de Obras: 201 reais, e Idelfonso Barbosa, da Indústria, Comércio e serviços não retirou diárias.  Já do Fundo de Previdência Social foram retirados em diárias 26 mil 155 reais, sendo 8 mil 493 reais por Rodrigo de Souza Nunes; 8 mil 476 reais por Daiana Mello da Silva, ambos Agentes Administrativos Auxiliares, e pelo veterinário Simeão da Silveira Filho: 9 mil 158 reais, em diárias.

LEGISLATIVO

Já o Poder Legislativo de Sobradinho gastou em 2018, 55 mil 999 reais em diárias, além de 11 mil 299 reais em indenizações pelo uso de veículos. O então presidente Valdecir Bilhan, utilizou 12 mil 132 reais, em diárias, e recebeu 1.831 reais pelo uso de seu veículo. Maxcemira Trevisan retirou 11 mil 647 reais em diárias, e recebeu 4 mil 635 reais por utilizar seu carro. Noeli Teichmann retirou 11 mil 311 reais e foi indenizada com 1.676 reais por utilização de seu carro. Tuki Siman 4 mil 608 reais em diárias e mais 894 reais de indenização pelo uso de seu carro. Maninho Freitas gastou 1.829 reais em diárias e recebeu 842 reais pelo uso de seu veículo. 

Eder Librelotto 2 mil 178 reais em diárias, e 421 reais de indenização pelo uso de seu carro. Dos parlamentares que retiraram diárias em 2018, o menor valor foi para Jeferson Matana com 1.269 reais.  Adão Weber e Elemar Lazzari não retiraram nenhuma diária no período.  Já o então assessor jurídico Sérgio Vieira gastou 3 mil 855 reais em diárias e mais 1.000 reais de indenização pelo uso de seu veículo. Também o então diretor da Câmara Luciano Menezes retirou 6 mil 168 reais, em diárias, em 2018.