Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Rural 13/03/2020 14:15
Por: Redação

EMATER promoveu dia de campo em Lagoão

Cinquenta e cinco pessoas participaram da atividade.

Devido a importância de ter um silo na propriedade rural e pelo interesse e demanda que vem surgindo, o município de Lagoão sediou na propriedade dos agricultores Clério e Leci Müller, em Vila Nova, um Dia de Campo sobre “milho de qualidade armazenado na propriedade”. A atividade foi promovida pela Emater, em parceria com a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, e com o apoio da Secretaria Municipal de Agricultura, Sicredi, Construbom e Konrad Equipamentos, e também teve como objetivo incentivar o cultivo de milho nas propriedades rurais. Cinquenta e cinco pessoas participaram da atividade.

Na oportunidade, o público presente percorreu três estações temáticas. Na primeira, os extensionistas rurais da Emater José Barbosa, Josemar Parise, Olandir Vendrúscullo e Evandro Cremonese, apresentaram as vantagens da secagem e armazenagem de grãos na propriedade rural, como a melhoria da qualidade do produto armazenado, agregando, dessa forma, mais valor ao grão. Na segunda estação, os extensionistas destacaram a importância da recuperação e conservação do solo e a rotação de culturas, que possibilitam melhorar o perfil do solo, que aumenta a infiltração e armazenagem de água e a penetração das raízes, diminuindo assim os efeitos da estiagem. A terceira estação teve foco na Segurança e Soberania Alimentar e foi coordenada pela extensionista social da Emater, Viviane Röhrs, e pelas proprietárias da Agroindústria Muller, Leci e Bianca.

Viviane falou sobre a importância do milho como base da alimentação de uma família e sobre suas propriedades nutricionais. Leci e Bianca realizaram uma oficina de elaboração de docinhos de milho verde. Para a equipe da Emater de Lagoão, o Dia de Campo foi muito satisfatório, pois permitiu aos participantes ampliarem seus conhecimentos em relação aos temas tratados e esclarecer dúvidas. Outro aspecto positivo foi a participação de vários casais, que são a força que move as propriedades rurais.