Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 20/07/2020 20:54
Por: Fabricio Ceolin

Vereador Tuki anuncia saída do partido e desistência de concorrer nas eleições municipais

Na sessão desta segunda-feira (20), Tuki durante pronunciamento na tribuna, falou sobre ingratidão.

O vereador de Sobradinho Tuki Siman, anunciou durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Sobradinho desta segunda-feira (20), a sua saída do PDT. O parlamentar pediu atenção dos colegas e imprensa, e anunciou que não concorrerá à reeleição como vereador e a nenhum cargo político nas eleições deste ano.  Ele disse que se não for possível sair do partido e manter o atual cargo, deixará a sigla no dia 1º de janeiro de 2021.

Tuki Siman mantinha o desejo de concorrer ao cargo de prefeito ou vice nas eleições 2020. Em várias entrevistas, o parlamentar citou essa pretensão. Na Câmara, cobrou por vezes reconhecimento por parte do Executivo, e em setembro do ano passado, quando ocupava a presidência do Legislativo, decidiu deixar a bancada de situação, e se declarou vereador independente. Na época, o vereador afirmou que não foi valorizado pelo Executivo, acrescentando que sua mágoa maior foi não ter sido convidado para assumir uma secretaria durante as férias do titular, nem mesmo substituir o prefeito, por alguns dias, durante suas viagens. Segundo ele, este era um sonho seu, e uma promessa que teria sido feita pelo prefeito Maninho Trevisan, observando que sempre foi leal ao Executivo. Já o prefeito alegou na época  que a Legislação impede que isso fosse feito em casos de viagens ou férias do chefe do Executivo e de seu vice.

Na sessão desta segunda-feira (20), Tuki durante pronunciamento na tribuna, falou sobre ingratidão. Ele não citou causas ou motivos. Ao fim da sessão, o vereador foi convidado pela reportagem das Rádios Sobradinho e Jacuí para falar sobre o anúncio de sua saída do partido e desistência de uma eventual candidatura, mas preferiu não se manifestar.