Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Geral 09/01/2019 14:47
Por: redacao

Chuva e o vento deixaram várias localidades da região sem energia elétrica

A RGE alerta para que os moradores do Centro Serra não toquem e nem se aproximem dos fios e cabos soltos, pois eles podem estar energizados.

A chuva e o vento registrados nesta semana deixaram várias localidades da região sem energia elétrica. Em Cerro Preto/Ibarama a falta de luz desde segunda-feira (07), motivou os moradores a promover um protesto, bloqueando a estrada na manhã desta quarta-feira (09). A manifestação foi suspensa por volta das 10 horas, depois que uma equipe da RGE Sul esteve no local para reativar a energia. Há falta de energia também em localidades do interior de Passa Sete e Segredo.

Mesmo em período de descanso e recuperação, o deputado Adolfo Brito, vem mantendo contatos constantes com dirigentes da RGE, pedindo atenção e agilização para os problemas que vem ocorrendo na Região Centro Serra, principalmente, com a demora no reestabelecimento de energia, após eventos climáticos. Neste sentido, Brito relatou à empresa, as várias solicitações que vem recebendo de várias comunidades, como os casos de moradores de Granja do Silêncio-Sobradinho e do vice-prefeito de Ibarama, Silvano de Gaspari, que demonstraram indignação e preocupação com as situações que vem enfrentando com a falta de luz.

A Companhia, por sua vez, através de um dos seus diretores, Edson Bras, informou que está sendo feito um esforço grande para atender todos os chamados, para num menor tempo possível, normalizar a situação. No entanto, muitas vezes, as equipes se deparam com danos nas redes, que são maiores do que os esperados.

Em Sobradinho também foi registrada a queda de uma árvore, ontem à tarde, bloqueando a Rua Alfredo Neri, no Bairro União. Os Bombeiros Voluntários foram acionados, e uma máquina da prefeitura foi necessária para liberar a pista.  No interior de Segredo, uma casa e um galão foram parcialmente destelhados. Segundo levantamento do Departamento Técnico das Rádios Sobradinho AM e Jacuí FM, de ontem até hoje já foram registrados 69 milímetros de chuva. O acumulado de janeiro é de 122 milímetros.

 Em Santa Cruz, um poste de iluminação da praça do Bairro Bonfim caiu após ser atingido por um raio no fim da tarde de ontem. A força da descarga elétrica causou a queda de uma árvore e da estrutura de iluminação, além de causar falta de energia no local.

A fronteira Oeste e a região da Campanha foram castigadas por fortes temporais nesta quarta-feira. Em Uruguaiana, na Fronteira Oeste, choveu 185 milímetros nas últimas 12 horas, volume que chega a 329 milímetros se considerados os últimos dois dias. O temporal provocou uma série de estragos e transtornos no município, incluindo a queda de dezenas de árvores e postes, e casas inundadas. A prefeitura decretou situação de emergência.

Em Alegrete, o acumulado das últimas 12 horas, de acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, está em 240 milímetros. Isso representa dois meses de precipitação, e, por conta disso, a cidade tem estragos generalizados. O prefeito Márcio Amaral, decretou situação de emergência no município. Também há registro de estragos em Bagé. Em Santa Maria houve alagamentos. Várias cidades ainda estão sem energia elétrica devido ao rompimento de cabos e queda de postes.

A RGE alerta para que os moradores do Centro Serra não toquem e nem se aproximem dos fios e cabos soltos, pois eles podem estar energizados. A distribuidora reforça a disponibilidade dos canais de atendimento para informação de falta de energia: Agência Digital: https://servicosonline.cpfl.com.br; SMS com o seu código de cliente para o número 27350; Aplicativo CPFL Serviços ou ainda a Central de Atendimento: 0800-970-0-900.