Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Saúde 12/01/2021 12:10
Por: Redação

Reunião que trataria sobre o plano de imunização ao Coronavírus é adiada

O encontro foi remarcado para a próxima terça-feira

O Ministério da Saúde decidiu adiar a reunião em que trataria sobre o cronograma do plano nacional de imunização contra o coronavírus, que seria realizada nesta terça-feira (12). O encontro foi remarcado para a próxima terça-feira (19). A informação foi divulgada nesta segunda-feira (11) pelo governador do Piauí, Wellington Dias. Segundo ele, "não faz sentido uma agenda se não for para definir uma data para início da vacinação". Somente com a data será possível elaborar todo o cronograma do Plano Estratégico Nacional para Imunização, sustentou. O outro motivo para a impossibilidade de definir uma data de início da vacinação "em razão da necessidade de um posicionamento seguro" por parte da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), afirmou o governador.

Em uma estimativa passada pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na melhor das hipóteses, a vacinação começaria a partir do dia 20 de janeiro. Em um prazo médio, a imunização inicia entre 20 de janeiro e 10 de fevereiro. E, no prazo mais longo, a partir de 10 de fevereiro. Ontem, em uma declaração dada durante um evento em Manaus, o ministro despistou: — Todos os Estados receberão simultaneamente as vacinas, no mesmo dia. A vacina vai começar no dia D, na hora H, no Brasil. No primeiro dia que a autorização for feita, a partir do terceiro ou quarto dia estará nos estados e municípios para iniciar a vacinação. A prioridade já está dada, é o Brasil todo. Vamos fazer como exemplo para o mundo. Os grupos prioritários já estão distribuídos — afirmou o ministro Eduardo Pazuello.