Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Saúde 26/06/2018 14:54
Por: redacao

Hospital Santa Cruz realiza segunda captação de coração de 2018

Em abril, o coração do jovem Thiago Henn também foi doado.

O coração de uma santa-cruzense, falecida nesta segunda-feira (25) no Hospital Santa Cruz (HSC), continuará batendo em outra pessoa. A família de Tânia Cristina Winkelmann seguiu a vontade dela e autorizou a doação do órgão e também de dois pulmões, dois rins e um fígado. A jovem de 28 anos morreu durante complicações em um pós-operatório. Esta é a segunda captação de coração realizada pelo Hospital Santa Cruz em 2018. Em abril, o coração do jovem Thiago Henn também foi doado.

André Winkelmann, pai de Tânia, relata que a filha era uma pessoa muito boa que, com certeza, faria isso se ela pudesse escolher. "Temos certeza que seria a vontade dela",.. disse emocionado ao perceber que a atitude pode influenciar outras famílias a fazerem o mesmo. Após a morte de Tânia, os médicos se reuniram com a família que de imediato autorizou a doação. De acordo com Anderson Barreto de Moraes, enfermeiro membro da Comissão Intra-Hospitalar para Doação de Órgãos e Tecidos (Cidot), o procedimento ocorreu no final da manhã.

Para isso, três equipes de Porto Alegre - uma para o transplante do coração, outra para o dos pulmões e outra para o do rim e fígado - vieram para Santa Cruz. Diferente da outra vez, em que os órgãos foram transportados de avião, desta, eles serão levados de carro até a Capital, onde serão feitos os transplantes. A origem dos pacientes não foi revelada.