Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Polícia 31/01/2019 14:25
Por: redacao

Acusada de homicídio foi absolvida

Cenira da Silva alegou legítima defesa, tese que foi acatada pelo Corpo de Jurados.

O Tribunal do Júri da Comarca de Sobradinho esteve reunido nesta quarta-feira (30) para o julgamento de Cenira de Matos da Silva, acusada de homicídio ocorrido no dia 1º de março de 2015. Segundo os autos do processo, o crime ocorreu na Rua das Bananeiras, entrada para Linha Carijinho.

Na ocasião, Valdemar Alves dos Santos, 52 anos, foi encontrado morto à beira da estrada, com diversos cortes no pescoço, resultantes de golpes de foice. Na época, Cenira da Silva, sua ex-companheira, alegou legítima defesa, tese que foi acatada pelo Corpo de Jurados. Com isso, ela foi absolvida. A sessão do júri foi presidida pela juíza de Direito, Liane Machado dos Santos Gorini, titular da 1ª Vara da Comarca de Sobradinho.