Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Assistência Social 09/05/2019 14:27
Por: Redação

Conselho Tutelar de Sobradinho realizou mais de 1.400 atendimentos no ano passado

Atualmente, o Conselho Tutelar tem como coordenadora Lizélia Vieira, e secretária, Maria Gorete Monteiro.

O Conselho Tutelar de Sobradinho realizou no ano passado um total de 1.418 atendimentos. No dia a dia, são inúmeros os atendimentos como informações sobre pensão, guardas dos filhos, denúncias em que os pais deixam os filhos sozinhos, suspeita de abuso sexual, maus tratos, negligência, além de acolhimentos de crianças e adolescentes na casa acolhedora São Nicolau, entre outras ocorrências.

Atualmente, o Conselho Tutelar tem como coordenadora Lizélia Vieira, e secretária, Maria Gorete Monteiro. O Conselho é formado por cinco conselheiras titulares e cinco suplentes. As titulares são: Lizélia Vieira, Dagmar Guindel, Maria Gorete Monteiro, Veraci da Rocha e Catarina Bridi. De janeiro até o início deste mês, já foram registradas 557 ocorrências. No ano passado, no mesmo período, foram 566 ocorrências. C

onforme o órgão de Sobradinho, as situações que se agravaram nos últimos tempos, foram de pais que não sabem como lidar com os filhos em idade de 8, 9 e 12 anos, crianças e adolescentes que não querem ir à Escola, adolescentes querendo morar sozinhos, denúncias de pedofilia e desentendimento familiar, muitos por uso de drogas, tanto pelos pais, quanto pelo próprio adolescente. No caso do uso de drogas, consequentemente vem a negligencia, os maus tratos, desaparecimento de filhos, e até mesmo o Conselho recebe pedidos de pais que querem colocar seus filhos na casa de passagem por castigo.

Com relação a menores infratores, o Conselho Tutelar atende pré-adolescentes de até 12 anos com atendimentos e medidas protetivas. Em alguns casos como brigas e agressões e nos casos de adolescentes acima de 12 anos, os casos são atendidos e registrados na Delegacia de Polícia, o Conselho Tutelar realiza o registro de ocorrência e realiza o acompanhamento da situação. O conselho Tutelar de Sobradinho atende no prédio da Prefeitura e também é acionado pelos meios policiais e Judiciário.