Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Saúde 23/03/2020 13:21
Por: Redação

Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe A começou nesta segunda-feira

Nesta primeira fase estão sendo vacinados idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde. Para ser imunizado é necessário apresentar o cartão de vacinação e, no caso dos idosos, também a carteira de identidade.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza (H1N1) – a gripe A, que normalmente ocorre em abril, foi antecipada devido a pandemia do Coronavírus e dos casos confirmados no Brasil e no Rio Grande do Sul. A vacinação iniciou nesta segunda-feira (23), e vai até o dia 22 de maio, com o dia D, marcado para 9 de maio, um sábado. Nesta primeira fase estão sendo vacinados idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde. Para ser imunizado é necessário apresentar o cartão de vacinação e, no caso dos idosos, também a carteira de identidade.

Na segunda fase, a partir do dia 16 de abril, serão imunizados os professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Na terceira fase, a partir do dia 9, será a vez de crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos de idade.

A vacina contra a gripe A estará disponível nas Unidades Básicas de Saúde dos municípios do Centro Serra. Em Sobradinho, cada paciente deve procurar a sua Unidade Básica de Saúde, das 7 e meia às 11 e 15, e das 13 às 16 horas e 30 minutos. Segundo o Secretário de Saúde, Nilo Wietzke, a Secretaria da Saúde solicita a conscientização e a colaboração de todos para que evitem a formação de filas e aglomerações nas unidades de saúde, devido aos cuidados com o Covid-19. Além disso, lembra que os moradores devem se dirigir a Unidade referente ao seu bairro e que há vacinas para todos, por isso, com organização e paciência, todos serão imunizados.