Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Rural 29/03/2019 14:13
Por: redacao

Pulverizador e transplantadeira são os vencedores do Prêmio Afubra/Nimeq

Premiação foi entregue nesta quinta-feira (28).

O último dia de Expoagro Afubra foi de premiação para os vencedores da 6ª edição do Prêmio Afubra/Nimeq de Inovação Tecnológica em Máquinas Agrícolas para Agricultura Familiar, nas categorias Inventor e Empresa (na categoria Empresa é a 5ª edição). A primeira teve seis inscritos, enquanto que a outra registrou nove concorrentes. Os grandes campeões foram o Pulverizador e dosador costal a bateria Jacto DJB-20S, da Máquinas Agrícolas Jacto, e a Transplantadeira de mudas, de Leonardo Streher Matté e Silvio Luiz Albani.

Os nomes foram conhecidos no fim da manhã de hoje, 28, em solenidade realizada no Espaço Cultural. As empresas receberam troféus, enquanto que os inventores foram agraciados com troféus e vale-compras nas lojas da Agro-Comercial Afubra, nos valores de R$ 1.250,00 para o primeiro lugar, R$ 750,00 para o segundo e R$ 500,00 para o terceiro.

O Prêmio Afubra/Nimeq é uma promoção da Afubra com o Núcleo de Inovação em Máquinas e Equipamentos Agrícolas da Universidade Federal de Pelotas (Nimeq/UfPel), e conta com a parceria da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). Para o coordenador geral da Expoagro Afubra, Marco Antonio Dornelles, a iniciativa promove e valoriza as necessidades dos agricultores. O professor da UfPel, Roberto Lilles, também salientou a importância da proposta. “É um incentivo para que as pessoas desenvolvam soluções e possam expandir seus negócios”.

Em cada categoria, entre os requisitos avaliados pela comissão organizadora estavam a contribuição do invento para a produtividade agrícola, cuidados com a preservação do meio ambiente, originalidade, criatividade, praticidade, entre outros.

Segundo o coordenador comercial Brasil, da Jacto, Marcio Fantim, a conquista é o reconhecimento do trabalho realizado pela empresa em buscar novas tecnologias à agricultura familiar.

Para os engenheiros mecânicos Leonardo Streher Mattém, de Aratiba/RS, e Silvio Luiz Albani, de Marcelino Ramos/RS, que alcançaram o primeiro lugar com a Transplantadeira de mudas, a experiência em participar do concurso foi bastante positiva. “Nós já havíamos montado o equipamento em 2018. Conheci a Expoagro Afubra há dois anos e mais tarde ficamos sabendo do prêmio”, conta Leonardo.

Categoria Empresa

1º lugar: Pulverizador e dosador costal a bateria Jacto DJB-20S, da Máquinas Agrícolas Jacto - É movido a bateria e programável pelo celular. O primeiro do mundo com a possibilidade de se conectar via Bluetooth e ser controlado com um aparelho celular. Com o equipamento, o operador consegue controlar toda jornada, padronizando as dosagens, pressão e vazão do produto a ser aplicado. Ao fim do trabalho é gerado um relatório com informações da operação. Além da aplicação localizada de doses na banana, o equipamento também é especialmente utilizado em outros cultivos, como café, hortaliças, tabaco, abacaxi, coco e herbicidas em pastagens.

2º lugar: Trator 2025 de 25 CV, da Mahindra - Sua capacidade de levante é de 750 quilos. A Tomada de Potência (TDP) é de duas velocidades: 540 rpm ou 540E rpm. Possui motor agrícola de dois cilindros, com baixo consumo de combustível e manutenção; design moderno; e excelente capacidade de levante no sistema hidráulico com três pontos do segmento.

3º lugar: Mini-serraria móvel SMM1 Compacta, da Maquinafort Máquinas e Equipamentos - Equipamento de uso hobby, destinado a reflorestadores, fazendeiros, marcenarias, materiais de construção, agricultores, entre outros. É recomendada para uso próprio e não comercial. Permite produção média de 2 a 3 metros quadrados de madeira serrada por dia. Com ela ainda é possível serrar diversos tipos de madeira reflorestada ou oriunda de manejo florestal de baixa e média densidade, com até 50 centímetros de diâmetro.

Categoria Inventor

1º lugar: Transplantadeira de mudas, de Leonardo Streher Matté e Silvio Luiz Albani, de Aratiba/RS – Máquina mecanizada, puxada a trator, para realizar o plantio de mudas, por meio de bicos que perfuram a terra e depositam a muda. Pode ser utilizada para diversos tipos de espécies.

2º lugar: Limpador de grãos, de Cleiton Drost, de Herveiras/RS – Construído com tecedeira de tabaco de duas varas e pedaços de madeira, tem a função principal de limpar grãos de feijão e de milho armazenado no silo secador. Também é destinado a retirar o excesso de k-obiol usado no controle do caruncho.

3º lugar: Debulhador e separador de feijão, de Leovanis Gonçalves, Daniela Colle e Ana Carolina Razera, de Vanini/RS – Composto por um pequeno motor de máquina de lavar roupa. Nele coloca-se o pé de feijão que começa a ser batido. No fim do processo os grãos são separados das raízes e folhas por pequenas frestas de madeira.

 

Jorn. Heloísa Letícia Poll - MTb/RS 16.224 – 19ª Expoagro Afubra