Logo Rádio Sobradinho AM & Jacuí FM
Política 05/01/2021 15:01
Por: Redação

Vereadores de Sobradinho criticam setores de fiscalização e urbanismo da Prefeitura

Críticas foram feitas na primeira sessão dos vereadores de 2021.

Os setores de fiscalização e urbanismo da Prefeitura, foram criticados na primeira sessão dos vereadores de 2021, nesta segunda-feira (04). O vereador Miguel Vieira – do Progressistas, disse que procurou o prefeito Armando Mayerhofer, manifestando preocupação sobre o rigor imposto pela fiscalização municipal, no quesito vendas de produtos coloniais.

O vereador se colocou à disposição para estudos de uma possível mudança na Legislação Municipal. Afirmou ainda que falou com o prefeito Mayerhofer sobre o rigor do setor de projetos da prefeitura, onde pediu mais agilidade e um melhor atendimento ao público.

Já o presidente do Legislativo Valdecir Bilhan – PTB, também criticou a fiscalização municipal, salientando que o autoritarismo dos fiscais tem prejudicado os comerciantes. Disse ainda que os produtores rurais são prejudicados pelo rigor da lei, pois não podem vender nem mesmo mandioca na cidade. O vereador destaca que isso são situações geradas nos últimos anos no município. Ressaltou que vendedores que vem de fora consideram Sobradinho como uma ilha, pois aqui, um mercadinho não pode vender um veneno de rato e nem um sabonete Matacura.

Luiz Freitas – Progressistas, disse que também esteve reunido com o prefeito Armando Mayerhofer. O parlamentar revelou ter sugerido que o setor de projetos da Prefeitura seja terceirizado. Ele avalia que um escritório de Arquitetura e Urbanismo pode avaliar os projetos e emitir um relatório. Para o vereador, ideia iria diminuir custos, pois avalia que no setor de engenharia da prefeitura contrata muitos CCs.